Mais escorregões da gestão Abad… entre outras coisas, um erro no código IBAN… o que significa mais 20 dias de atraso para receber um dinheiro do exterior… NORMAL!

Prefiro não analisar o jogo do sábado passado, já se falou o que todo mundo viu e sentiu.  Viramos fregueses e motivo de chacota.

E o pior: temos um time instável, inconstante e um treinador maluco.

Se aliarmos a isso o fato de termos um camisa 10 que fez apenas 1 gol em 32 partidas pelo Brasileirão…  

Se aliarmos a isso que o jogador com mais assistências do elenco é o Everaldo, com 6…

Se aliarmos a isso que o nosso ataque marca menos de 1 gol por jogo…

Se aliarmos a isso que a nossa defesa já foi vazada 39 vezes…

Se aliarmos a isso que o nosso saldo é de 8 negativo…

Se aliarmos a isso  que somente ganhamos 34% dos jogos disputados…

Se aliarmos a isso  que a nossa média de público é de 13.892 presentes nos 16 jogos em casa…

TEMOS A OBRIGAÇÃO DE FICARMOS PREOCUPADOS…  Vocês podem dizer que faltam 6 jogos e que pegaremos o Sport, o América-MG e o Ceará… mas quanto antes façamos o dever de casa melhor!

Outros dirão que estamos classificados para as semifinais da Sul-Americana e que agora temos que nos concentrar nisso…

Penso que são coisas distintas… que ambas merecem 100% de atenção pois quando o cobertor é curto qualquer desatenção te faz passar frio…

Falando em desatenção…

O Maracanã é fértil, as pessoas me procuram e me passam informações que preocupam… E essa veio direto de uma pessoa que esteve no Uruguai e lá soube de um babado forte…

Uma grana forte estava para entrar mas pintou um “pequeno” problema… Mas antes deixa eu explicar o que é um tal de código IBAN…

Resultado de imagem para código IBAn

“O que é e quando usar o código IBAN?

 IBAN é a sigla de International Bank Account Number, ou Número Internacional de Conta Bancária, em português. Ele é um código internacional que padroniza a identificação das contas bancárias.

O objetivo do código é diminuir ao máximo possíveis erros entre as transferências internacionais, já que existem muitas instituições bancárias, cada uma delas com diversas agências espalhadas pelo mundo, divididas entre os estados e as cidades. Para isso, foi criado um código padronizado que funciona como número de conta para operação internacionais.

Esse número foi regulamentado como padrão de identificação no Brasil em 14 de fevereiro de 2013, pelo Banco Central por meio da Circular Nº 3.625. O novo padrão foi estabelecido em consenso com as associações de bancos do país.

Como é formado o IBAN?

No Brasil, o código IBAN é formado por 29 caracteres alfanuméricos no total. Esse número pode variar de país para país.

Exemplo:

BR 38 60701190 01170 0000147266 C 1

As duas primeiras letras representam o código do país

Os dois dígitos na sequência são o código verificador

Os próximos oito números são o código identificador do banco no BACEN

Depois há o número da agência bancária

Em seguida o número da conta do cliente

A letra na sequência diz se a conta é corrente ou poupança

Por último, um número indica quantos titulares há na conta

Em outros países, o IBAN pode ter até 34 caracteres. Atualmente 69 países utilizam o código em suas transações. A lógica de composição do código é padronizada, como no exemplo acima.

Como saber o IBAN de cada banco?

A numeração do código IBAN está disponível no contrato de abertura da conta ou na seção de transferências internacionais da área logada do sistema online de cada banco.

Também é possível consultar ou validar um número no site do IBAN (que tem versão em português). Para encontrar o número clique em “calcular IBAN”. Para validar um código, clique em “Validar IBAN”. Há também a opção de ligar para a agência ou gerente da conta e pedir o código IBAN.

Importante:

O IBAN muda de acordo com a agência e com a conta. Algumas instituições financeiras exigem IBAN e SWIFT para realizar as transferências, outras apenas um dos códigos.

Qual é a diferença entre IBAN e SWIFT?

O IBAN funciona como um número de conta. Assim como os dados de agência e conta, que usamos no Brasil para transferências bancárias, ele é usado para identificar a conta de destino das remessas internacionais.

Já o SWIFT é um sistema que conecta as instituições financeiras pelo mundo. Ele codifica as informações enviadas pela rede para assegurar o sigilo e evitar fraudes. Cada banco tem um código SWIFT único, que é identificado pela rede para concluir a operação e, assim, transferir o valor de um banco para outro.”…

Fácil… muito fácil… qualquer BOÇAL consultando o Google consegue preencher esse formulário.

Pois bem o Fluminense estava para receber uma grana da primeira parcela referente ao “sell on” do Richarlison…

10% da diferença entre a venda deles (Watford x Everton) pra nossa (Flu x Watford)…

Na ânsia de receber o dinheiro pessoas do Conselho Diretor resolveram trazer para si a responsabilidade que pertence, em qualquer empresa que se preze e que seja minimamente mal administrada, ao Departamento Financeiro…

Conclusão:

Fizeram uma GRANDE CAGADA, erraram o código IBAN e com isso o dinheiro que entraria no dia X, só entrará no dia X + 20…

Repito:  Uma GRANDE CAGADA com as digitais de gente da Flusócio.  Simples assim.

Tudo isso que vos comento foi amplamente debatido no Uruguai (eu lá não estive)…

Mas além da GRANDE CAGADA, agora vem mais uma GRANDE COVARDIA… querem empurrar a responsabilidade desse morto nas costas do Diretor Executivo Financeiro (CFO) Eduardo Paes…

Coisa de gente covarde e inepta.

 

MUDANDO DE ASSUNTO…

E a SANATTO… quando é que o Fluminense vai pagar o que deve? Se não paga, os funcionários terceirizados, que vão para 3 meses de salários atrasados, não tem condições de trabalhar e o clube fica sujo e abandonado.

Ou isso faz parte do plano para ACABAR COM AS LARANJEIRAS, que no fundo é o desejo da Flusócio?

 

Ou a gestão Pedro Abad prefere deixar abandonado o Parque Aquático para que até mesmo não sócios (não convidados) invadam o recinto transformando as piscinas do clube em sinônimo de farofa e degradação?

É só ver a foto acima onde é visível a falta de um controlador nos acessos…

E os Esportes Olímpicos vão ficar calados até quando…

Ou preferem ficar calados submetidos a essa vergonha…

Isso de dizer que o clube não tem dinheiro É MENTIRA!

Resultado de imagem para cabezas fluminense

O que o Ricardo Correia, o Fabiano Camargo, o Marcelo Teixeira e o Pedro Abad tem para falar da contratação do CRACAÇO Bryan Alfredo Cabezas Segura, que pelo visto não tem “cabeça segura” (desculpem o fraco trocadilho)?  Quanto é o salário desse profissional? Podemos falar de 150 mil por mês?

Quem responde por isso? Quem é o pai do Kaique, do Junior Dutra, do De Amores?

Resultado de imagem para kaike fluminense

E por último:

ATÉ QUANDO O RELATOR DA COMISSÃO DO IMPEACHMENT VAI FICAR TARTARUGANDO o parecer que pelo visto é favorável a que seja votado o impedimento do Abad?

Pensei que o Relator tivesse saído da Flusócio… mas pelo visto a Flusócio não saiu dele.

Resultado de imagem para impeachment

No mais…

QUARTA-FEIRA É GUERRA! Tem que ser VENCER ou VENCER!!!

#FORAABAD

#FORAFLUSÓCIO

 

PS.: SUPOSTAMENTE sumiu uma mala de dinheiro por aí!!!

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *